Agronegócios

Presidente da Aprosoja comunica que não pagará contribuição sindical à Faet e à CNA

Da Redação

Foto: Divulgação
Presidente da Ruben Ritter: não adianta só reclamar
O presidente da Associação dos Produtores de Soja do Tocantins (Aprosoja-TO), Ruben Ritter, enviou mensagem à líderes muralistas nesta sexta-feira, 19, em que comunica que não vai pagar a contribuição sindical à Federação da Agricultura do Estado (Faet) e à Confederação Nacional da Agricultura (CNA) que vence neste mês. "Não vejo outra estratégia que vise 'reformar' nossas instituições representativas com maior probabilidade de sucesso, do que esta de interrompermos o pagamento das contribuições”, defendeu Ritter.

Ele disse que não fará o pagamento "até o momento que tal atitude não venha a comprometer o desenvolvimento de minhas atividades”.

Ritter explicou que a decisão se dá por entender que "de nada adianta reclamarmos da CNA, da FAET, da senadora Kátia Abreu, em nossos grupos, e não praticarmos nenhum ato concreto que possa contribuir para a melhora das instituições que deveriam nos representar”.

Por fim, ele pediu aos colegas que reflitam sobre essa ação. "Respeitosamente peço que cada um avalie esta situação e, com serenidade, decida se paga ou não a referida contribuição”, disse.

A decisão veio no momento em que a senadora Kátia Abreu (PMDB) reassumiu a presidência da Faet, supostamente de olho na reeleição em outubro. A oposição a ela na entidade se mobiliza para viabilizar um candidato.

Confira a seguir a íntegra da nota:

"Caros Amigos,

Vínhamos tratando de dois assuntos urgentes,
O Funrural e a contribuição sindical à CNA.

Inclusive tínhamos pensado em realizar uma Assembleia Estadual, em Guarai para definir nossas posições...

Entretanto,

a "convulsão política" em Brasília, retardou a divulgação do texto da MP do funrural...

Resta portanto definirmos nossa estratégia com relação a CNA, e FAET:

Tenho consciência do quanto as operações de crédito são necessárias ao nosso custeio e investimentos, razão pela qual se justifica toda a preocupação para que não tenhamos nenhuma negativação...

... portanto entendo vossas preocupações quando falamos em não pagar a contribuição sindical à CNA e FAET...

... contudo, não vejo outra estratégia que vise "reformar" Nossas Instituições Representativas com maior probabilidade de sucesso, do que esta de interrompermos o pagamento das contribuições...

Diante do exposto informo aos Senhores que não efetuarei o pagamento da referida contribuição,

...pelo menos, até o momento que tal atitude não venha a comprometer o desenvolvimento de minhas atividades...

Faço isto por entender que de nada adianta reclamarmos da CNA, da FAET, da Senadora Kátia Abreu, em nossos grupos, e não praticarmos nenhum ato concreto que possa contribuir para a melhora das instituições que deveriam nos representar...

Respeitosamente peço que cada um avalie esta situação, e com serenidade decida se paga ou não a referida contribuição...

Obrigado!

Abraço,

Ruben Ritter
Presidente da Aprosoja”

Leia por assunto:

Comentários
Publicidade