02/04/12 16h32 02/04/12 18h41

Polícia diz ter localizado esconderijo de assaltantes; ações serão intensificadas

Uma semana depois do primeiro assalto ao Banco do Brasil, ninguém foi preso
Thais Souza
Da Redação

Quase uma semana depois do primeiro assalto ao Banco do Brasil, em Fátima, a polícia ainda não prendeu nenhum dos ladrões. Na semana passada, três agências bancárias foram arrombadas, além de um falso alarme de roubo à agência de Gurupi.

Questionada sobre a localização dos assaltantes de Fátima, Taguatinga e Lagoa da Confusão ao BB, a PM informou que o helicóptero da Secretaria de Segurança Pública utilizado nas buscas localizou um local onde possivelmente estariam os ladrões. A região não foi divulgada. Em entrevista ao CT, a PM limitou-se em afirmar que o cerco está se fechando.

Por este motivo, a Polícia Militar do Tocantins intensificará este mês blitzes que já vinham sendo realizadas no Estado. O objetivo das abordagens é prevenir e repreender a criminalidade, além de barrar a entrada de entorpecentes e assaltantes.

Conforme a PM, carros e pessoas serão vistoriados. As blitzes serão realizadas em horários e dias diferentes, para que a operação aconteça como planejado. Em Palmas todas serão na zona urbana da Capital.
Leia por assunto: