Tonolucro

Apesar da pressão contrária de Araguaína, AL retira R$ 45 milhões da TO-222

CLEBER TOLEDO, DA REDAÇÃO 13 de Sep de 2017 - 15h51, atualizado às 18h03
Compartilhe
Os deputados estaduais decidiram, por 13 votos a favor e 11 contra, manter a polêmica retirada dos R$ 45 milhões da duplicação da TO-222, em Araguaína. Após muita discussão, esse ponto do empréstimo de R$ 453 milhões foi votado em destaque. O projeto global da operação junto à Caixa Econômica Federal foi também foi aprovado com voto contrário apenas do deputado Paulo Mourão (PT). Também foi aprovado empréstimo de R$ 130 milhões junto ao mesmo banco para a construção da nova ponte de Porto Nacional.

Políticos e empresários de Araguaína lotaram a Assembleia para pressionar os deputados a manter os R$ 86,5 milhões previstos inicialmente. Contudo, não convenceram a maioria dos parlamentares.

Os favoráveis ao corte dos recursos afirmam que os custos estão superestimados, já que são apenas 13 quilômetros que sairiam por R$ 6,5 milhões por quilômetro, quando o custo médio, defendem, seria em torno de R$ 1,3 milhão/km. Os contrários à retirada do recurso questionam: dizem que o custo médio está defasado e que aquela obra tem especificidades que a encarecem.

O deputado estadual Olyntho Neto (PSDB), que chegou a defender publicamente a retirada dos R$ 45 milhões “para evitar desperdício”, como o CT antecipou nessa terça-feira, 12, após pressão da cidade, recuou e votou contra a retirada. Ele justificou que não votou nas comissões por ser presidente da CCJ.

Confira os deputados que votaram contra a retirada dos recursos: Amélio Cayres (SD), Paulo Mourão (PT), Valderez Castelo branco (PP), Nilton Franco (PMDB), Valdemar Júnior (PMDB), Jorge Frederico (PSC), Luana Ribeiro (PDT), Eduardo Siqueira Campos (DEM), Olyntho Neto (PSDB) e Amália Santana (PT).

A seguir os deputados que votaram pela retirada dos R$ 45 milhões da TO-222: Alan Barbiero (PSB), Cleiton Cardoso (PSL), Eduardo do Dertins (PPS), Eli Borges (Pros), José Augusto (sem partido), José Bonifácio (PR), Júnior Evangelista (PSC), Mauro Carlesse (PHS), Osires Damaso (PSC), Toinho Andrade (PSD), Vilmar de Oliveira (SD), Wanderlei Barbosa (SD) e Zé Roberto (PT).

- Matéria atualizada às 17h09

Comentários

Redação: Palmas, Tocantins, Brasil, +55 (63) 9 9219.5340, +55 (63) 9 9216.9026, [email protected]
2005 - 2017 © Cleber Toledo • Política com credibilidade
ArtemSite Agência Digital