300 vagas

Abertas as inscrições para o curso de formação de gestores e conselheiros culturais do Tocantins

Qualificação contará com turma direcionada aos indígenas e quilombolas

Foto: Emerson Silva/Governo do Tocantins
Curso tem como objetivo o desenvolvimento, a promoção e a difusão da cultura e cidadania 

Da Redação

Está aberto o edital de seleção pública para o curso de formação de gestores e conselheiros culturais do Tocantins. Realizado pela Universidade Federal do Tocantins (UFT), com parceria do Ministério da Cultura (Minc), o curso conta com o apoio da Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia, Turismo e Cultura (Seden) e é destinado a todos os municípios do Estado.

De acordo com o edital, o curso tem como objetivo o desenvolvimento, a promoção e a difusão de cultura e cidadania integradas ao Sistema Nacional de Cultura (SNC). O público-alvo prioritário são gestores públicos, conselheiros municipais de cultura, servidores de órgãos públicos da área da cultura dos municípios tocantinenses, além de funcionários e servidores de fundações e universidades públicas ligadas à área de cultura e agentes de cultura. Artistas e produtores culturais também podem se inscrever.

As inscrições podem ser realizadas exclusivamente pela internet até o dia 31 de janeiro. Serão 300 vagas no total, distribuídas em duas etapas: 150 vagas serão destinadas ao período de fevereiro a junho de 2017; as outras 150 serão destinadas à segunda etapa, no período de julho a dezembro de 2017.

Para a Superintendente de Desenvolvimento da Cultura, Noraney de Castro, o curso é uma oportunidade inédita para os agentes culturais do Estado. “Essa capacitação é imprescindível aos agentes em sua formação e para a ampliação dos seus conhecimentos sobre as políticas públicas para cultura”, afirmou.

O Tocantins é o quarto Estado da região Norte a receber o curso e contará com a oferta de uma turma direcionada exclusivamente aos indígenas e quilombolas, segundo a UFT.

Acesse aqui o edital de seleção. (Com informações da Secom Tocantins)

Leia por assunto:

Comentários
Publicidade
Publicidade